Turismo Rural -Tendência extremamente possível de ser posta em prática

16102012180742turismo ruralTurismo em áreas rurais!

Cada vez mais, as pessoas buscam as áreas rurais para seus momentos de lazer. Isso porque, cada vez mais, os moradores urbanos sentem uma necessidade de reencontro com suas raízes, de conviver com a natureza e com a simplicidade da vida do interior. Essa procura tem sido bem maior nos últimos anos, no Brasil. O que favorece a prática do Turismo em áreas rurais.

Entretanto, as iniciativas públicas e privadas pouco, ou nada, fazem no sentido de promover e ordenar o desenvolvimento dessa atividade turística. Talvez isso ocorra porque o turismo ainda é encarado, pelos mesmos, apenas como uma prática de viagens e passeios.

Por se tratar de áreas de baixo desenvolvimento econômico, e também de intelectual, poucas pessoas conseguem enxergar que ali, nas áreas rurais, o turismo seja algo possível de ser realizado. Desse modo, os setores públicos e privados não investem seus esforços no desenvolvimento da área turística, justamente por achar que é algo sem importância.
Para esclarecer um pouco sobre a prática de Turismo Rural, primeiramente é preciso compreender que:
Turismo rural é o conjunto de atividades turísticas desenvolvidas no meio rural, comprometido com a produção agropecuária, agregando valor a produtos e serviços, resgatando e promovendo o patrimônio cultural e natural da comunidade.

Além disso, há que se compreender que o turismo rural está inserido no “Turismo no espaço rural ou em áreas rurais” que abrange:
“todas as atividades praticadas no meio não urbano, que consiste de atividades de lazer no meio rural em várias modalidades definidas com base na oferta: turismo rural, agro turismo, turismo ecológico ou ecoturismo, turismo de aventura, turismo de negócios, turismo de saúde, turismo cultural, turismo esportivo, atividades estas que se complementam ou não”. (GRAZIANO DA SILVA ET AL., 1998:14)

“O turista que se desloca para áreas rurais está interessado no conjunto constituído pela atividade produtiva, pela natureza e pelo modo de vida que diferem da paisagem e do ritmo urbano.” Isso nos mostra a importância de valorizar as culturas e tradições regionais, pois as pessoas estão sempre buscando alternativas diferentes. E o turismo rural tem ganhado destaque por trazer, exatamente, essa proposta; uma vez que os destinos de praia e sol encontram-se possíveis de saturação.

Segundo o Ministério do Turismo, o meio rural pode ser bem aproveitado para o turismo. Não só as propriedades, como também os atrativos e produtos existentes no campo podem ser uma opção para os turistas e uma oportunidade para os que nele vivem:
-bebidas e alimentos in natura – cereais, peixes, frutas, legumes, verduras orgânicas – ou processados – vinho, doce, mel, aguardente, pão, embutidos;
– artesanato e outros produtos associados ao turismo;
– criação de animais;
– atividades equestres e de pesca;
– atividades de ecoturismo, esportes de aventura, caminhadas;
– atividades pedagógicas no ambiente rural;

– manifestação folclórica, música, dança, tradições religiosas;
– gastronomia, saberes e fazeres locais;
– atividades recreativas no meio rural;
– visitação a fazendas, casas de cultura e ao patrimônio.

São alguns dos benefícios que a prática do Turismo em áreas rurais pode proporcionar: diversificação da economia regional, pelo estabelecimento de micro e pequenos negócios; melhoria das condições de vida das famílias rurais; diminuição do êxodo rural; promoção de intercâmbio cultural; geração de novas oportunidades de trabalho; melhoria da infraestrutura de transportes, comunicação e saneamento; integração do campo com a cidade; valorização das práticas rurais, tanto sociais quanto de trabalho e o resgate da autoestima do campesino. Contudo, é preciso atentar, também, para as questões negativas de uma implantação mal-planejada, como a sobrecarga da estrutura rural por um número elevado de visitantes e veículos, problemas legais, degradação ambiental e descaracterização do meio e da própria atividade, ou seja, perda da particularidade local.

O Turismo é uma atividade que sofre mudanças e inovações constantes, mediante as novas exigências e a alta competitividade no mercado. E foi nesse sentido que surgiu o turismo rural, com uma proposta de melhorar os rendimentos de proprietários rurais e valorizar os modos de vida tradicionais, a ruralidade e o contato harmonioso com o ambiente natural.
Cabe aos nativos valorizar suas riquezas naturais e culturais e cobrar dos governantes iniciativas voltadas para o desenvolvimento do turismo em nosso município.

A vida esconde nos lugares mais simples sua grande beleza que revela qual o significado de porque persistimos em continuar vivendo.
(Pablo Neruda)

Inspirado pelo manual: Diretrizes para o desenvolvimento do turismo rural, do Ministério do Turismo, 2004.
Por Geonetty de Araújo
Revisão de Iza Rosária

Fonte: PORTAL EDUCAÇÃO – Cursos Online : Mais de 900 cursos online com certificado
http://www.portaleducacao.com.br